A Madeira melhora a Experiência de Compra

A MADEIRA MELHORA A EXPERIÊNCIA DE COMPRAS

A MADEIRA MELHORA A EXPERIÊNCIA DE COMPRAS

Pesquisas sobre os efeitos de bem-estar da madeira em ambientes comerciais e institucionais também ocorrem em espaços de varejo com a melhora na experiência de compra para clientes e colaboradores

Aliás, um número crescente de marcas de varejo, incluindo o gigante de fast-food McDonalds, estão vendo o impacto positivo do design biofílico em seus resultados financeiros.

Estudos comprovam o impacto positivo da madeira

Um relatório sobre a economia do design biofílico descobriu que os participantes disseram que estavam mais inclinados a fazer uma compra em um ambiente caracterizado por vistas da natureza, vegetação intermitente, grandes árvores e vegetação. Apontou ainda que os participantes estavam dispostos a pagar até 20 por cento a mais por despesas práticas (como um sanduíche para o almoço) e até 25 por cento a mais por mercadorias em geral (como um casaco novo ou um relógio).

Fonte: Rewood – Projeto Vista Corona – Arquitetura: Metamoorfose Arquitetura – Fotos: Maíra Acayaba

Outro exemplo, foi um estudo recente conduzido pela Universidade de Laval que sugere que a madeira estrutural exposta pode ter um impacto positivo nos clientes.

A pesquisa realizada com 100 clientes selecionados aleatoriamente comparou as experiências de compra em um prédio de madeira e em um prédio de aço em três tipos de lojas: um supermercado, um centro de reforma residencial e uma loja de móveis.

Nos três casos, um maior número de clientes expressou maior satisfação com a estética da construção de madeira do que com a construção de aço. Os clientes estavam mais inclinados a descrever a construção de madeira como ecológica, saudável e quente. Veja alguns dados levantados:

Estudo de Caso – Union Way Shopping Center*

A empresa de design LEVER Architecture, com sede em Portland, está liderando as tendências de design de madeira com projetos como o Union Way, um projeto de renovação de varejo de 10.000 metros quadrados que serve tanto a uma função cívica — uma conexão de pedestres entre os blocos da cidade como uma experiência de varejo.

Apresentando referências de passagens europeias e bazares do Oriente Médio, a LEVER colocou seu selo exclusivo no fliperama revestido de madeira, o mesmo material que também embala nove varejistas/restaurantes diferentes em uma galeria coberta, incluindo Danner, a icônica marca de botas Oregon, a varejista All Good com sede na Califórnia e o vestuário local de artesanato Bridge & Burn.

  • As paredes são construídas com tapumes de Alvo do Pacífico colhidos de forma sustentável, cultivados em fazendas três horas fora de Portland.
  • Doze claraboias reforçam uma conexão visual que desfoca as fronteiras entre interior e exterior.
  • Vigas históricas de madeira pesada foram recuperadas e incorporadas ao projeto estrutural.

A Union Way representa a arquitetura como placemaking, elevando a experiência de varejo para evocar inspiração e uma conexão com a natureza.

Embora seja recente e mais pesquisas sejam necessárias, descobertas e relatórios iniciais vêm comprovando os resultados promissores do design biofílico quando se trata de aumentar o valor de uma marca. E, sem dúvida, a madeira pode desempenhar um papel importante, tornando a experiência de varejo mais convidativa, relaxante e conectada à natureza.

Madeira, conexão natural entre sua marca e seus clientes.

Arquitetos e construtores ao longo dos tempos usaram a madeira para construir estruturas práticas para a vida cotidiana. No entanto, cada vez mais estudos comprovam que além da resistência, versatilidade e estética, a madeira proporciona para as pessoas um sentimento de conexão instintiva e atração.

Até por isso, muitos designers de construção citam os atributos naturais e aconchegantes da madeira como uma razão para seu uso como um elemento-chave do design biofílico.

Conhecimento instintivo.

Todas as informações levantadas nestes estudos sobre os benefícios da utilização da madeira e elementos naturais nos mais diversos ambientes vêm apenas endossar aquilo que o bom senso e a sabedoria popular já vinham demonstrando: ser exposto à natureza – e a materiais naturais e orgânicos – tem efeitos positivos e diretos em nossa sensação de bem-estar.

Para conhecer mais sobre as diversas aplicações e benefícios destes elementos naturais como a madeira na construção civil, consulte nosso time de especialistas.

Para obter mais informações sobre construção e design com madeira, visite thinkwood.com

*Fonte: TERAPIA DE VAREJO | Os compradores da Union Way de Portland um projeto de renovação de varejo de 10.000 metros quadrados que conecta 9 lojas exclusivas são envoltos por tapumes do Pacific Albus e luz natural abundante.

A Rewood preparou um artigo sobre a madeira e seu efeito regulador de stress, clique aqui para ler.

Murilo Negreli
Murilo Negreli
Engenheiro Madeireiro, atua na Coordenação de projetos na Rewood.
Open chat